Arquivos do Blog

Monique e Daniel negam suposto estupro

De acordo com o delegado que investiga o caso, a sister se recusou a fazer o exame de corpo de delito

Rio – Os participantes do Big Brother Brasil 12 Daniel e Monique prestaram depoimento ao delegado titular da 32ª DP (Taquara), Antônio Ricardo, e, de acordo com ele, negaram que tenha ocorrido o estupro no reality show. O delegado afirmou ter ouvido o casal dentro da casa do BBB nesta terça-feira. A jovem envolvida na polêmica, no entanto, se recusou a fazer o exame de corpo de delito. Ainda segundo Antônio Ricardo, o edredon e as roupas íntimas de ambos serão apreendidos e depois encaminhados para a perícia.

“Eles confirmaram que ficaram embaixo dos cobertores com o consentimento de ambos. Eles se tocaram, mas negaram que houve relação sexual”, contou o delegado, que acrescentou: “Mesmo após ingerir bebida alcoólica, ela tinha condições de dizer não”.

Daniel prestou depoimento na condição de testemunha, já que nenhuma queixa formal foi prestada contra o modelo. Na entanto, Antônio Ricardo explicou que o inquérito será instaurado nesta terça como estupro de vulnerável. Ele ainda pretende confrontar a versão do casal com as imagens da TV Globo e os dois podem ser chamados para prestar depoimento novamente. Os outros participantes do BBB também podem ser chamados para dar esclarecimentos.

A Polícia Civil investiga a suspeita de estupro de vulnerável contra a estudante, que estaria bêbada e inconsciente durante a relação com o rapaz, após uma festa na casa. O delegado já deixou o Projac e concederá entrevista na 32ª DP.

Delegado esteve no Projac e ouviu os BBBs | Foto: Alexandre Vieira / Agência O Dia

A mãe de Daniel, expulso nesta segunda do BBB 12, Aparecida Echaniz, defendeu, nesta terça-feira, que Monique também deixe o reality show. “Ela é uma mulher madura. Nao foi a primeira vez, nem a décima. Que fique bem claro que não quero prejudicar ninguém em defesa do meu filho, mas acho que se os dois infringiram o regulamento, os dois deveriam ser expulsos”, disse ao programa Balanço Geral.

Segundo Aparecida, ela ainda não conseguiu falar com o filho. “Ninguém me procurou, tenho acompanhado tudo pela TV. Estou sem entender, perplexa”, contou.

http://www.youtube.com/watch?v=zmGnvMBkNWI&feature=player_embedded#t=0s

Daniel usou seu Twitter oficial (@Daniel_Echaniz) para falar com o público. Sem dar sua versão da história, o modelo apenas disse que irá atualizar seu microblog e se aconteceu alguma coisa, o problema é dele. “A partir e Agora Sou Eu Mesmo O Daniel Que Ira Atualiza Minha Pagina No Twitter!”, escreveu, para depois completar: “Galera Se Aconteceu Alguma Isso é Problema Meu e De Mais Ninguem ASSUNTO ENCERRADO”.

 

Na tarde desta segunda, Boninho, diretor-geral do programa, interrogou Monique no confessionário, e policiais foram recebidos no Projac pelo departamento jurídico da emissora. A Central Globo de Comunicação divulgou uma nota justificando a expulsão de Daniel “devido a um grave comportamento inadequado” e “após rigorosa avaliação da Globo”.

Mais cedo, Boninho chegou a afirmar que Monique havia dito que consentiu as carícias de Daniel. O diretor chegou a dizer ao site da Folha de São Paulo que Daniel estava sendo vítima de racismo, e que não via motivos para punir o “brother”. 

 

Polícia Civil mandou uma equipe ao Projac para colher depoimentos | Foto: Alexandre Vieira / Agência O Dia

Fontes ligadas ao programa disseram que nos bastidores há consenso de que o ato sexual foi consumado na casa e durou cerca de 25 minutos, dos quais apenas sete foram exibidos, mostrando Monique imóvel e Daniel em movimentação intensa sob o edredom. O vídeo foi retirado do YouTube pela Rede Globo. Monique desapareceu das câmeras e o sistema de multicâmeras do ‘pay per view’ foi desativado.

A ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), Iriny Lopes, enviou, no fim da tarde desta segunda, ofício ao Ministério Público Estadual do Rio pedindo a tomada de “providências cabíveis”. Segundo o procurador-geral, Cláudio Lopes, o documento será encaminhado nesta terça à promotora Christiane Monnerat, que vai acompanhar as investigações do inquérito aberto pelo delegado Antônio Ricardo.

Delegado pode pedir apreensão de roupas íntimas e do edredom

O centro da investigação da polícia é apurar se Monique autorizou as carícias de Daniel. Se for comprovado, no entanto, que ela não tinha consciência do que ocorria, em tese, de acordo com o procurador-geral de Justiça, Cláudio Lopes, pode ficar caracterizado o crime de estupro de vulnerável, como prevê o artigo 217 A, parágrafo primeiro. A pena varia de seis a dez anos de prisão.

“Para isso, será necessário comprovar que a vítima não tinha condições de oferecer resistência alguma”, explicou Lopes. Nesse caso, para denunciar Daniel à Justiça, o Ministério Público não precisaria da representação de Monique. “No estupro de vulnerável, o estado age independente da vontade da vítima. É lógico que isso dificulta a investigação, mas não impede que as provas sejam colhidas”, afirmou Lopes.

http://www.youtube.com/watch?v=99P21F2uRDc&feature=player_embedded#t=0s

 

Monique fala que não se lembra de nada e que pediu para Daniel parar

A BBB Monique foi chamada ao confessionário pelo diretor do programa, Boninho, para esclarecer o que aconteceu embaixo do edredom com Daniel. O áudio da conversa, com os detalhes do que Monique se lembra, vazou na Internet.

“Olha, só se ele tivesse a capacidade de ter feito sexo comigo dormindo. Porque eu não me lembro de nada de sexo. Lembro de mão naquilo, aquilo na mão, agora sexo, não. Só se ele for muito mau-caráter de fazer comigo dormindo. Eu me lembro apenas do Rafa deitando e eu dormi”, diz a ‘sister’ num dos trechos da conversa.

Em outra parte, Monique afirma que não aceitou ir além das carícias: “E realmente é só isso que eu lembro, que a gente passou a mão um no outro. Eu fiquei com tesão. Eu lembro que ainda dei um pulo na cama, pro outro lado, contrário do dele, e falei: ‘Para. Chega, chega’”.

Perguntada sobre o short preto que vestia e que não usava quando acordou, Monique foi imprecisa: “Acordei sem o shortinho. Não, eu deitei sem o shortinho, acho. Acho que eu tirei o shortinho e acordei sem o shortinho. Mas assim, eu só me lembro que eu estava me arretando com ele, a gente passou a mão, coisa e tal, e o Rafa chegou. Na minha cabeça, não me lembro do momento nós três na cama. Eu capotei”.

O Dia

Anúncios

Após visita da Polícia Civil, Daniel é eliminado do Big Brother Brasil 12

O modelo Daniel acaba de ser eliminado do Big Brother Brasil. A decisão foi tomada após a visita da Polícia Civil para investigar o possível abuso sexual cometido pelo participante.

A eliminação dele será anunciada, ao vivo, daqui a pouco após a novela “Fina Estampa”.

Entenda o caso

Na festa de sábado, primeiro dia de bebida liberada no BBB, Monique ficou nitidamente embriagada. Antes de dormir, deu um selinho em Fabiana e foi para o quarto Floresta. Sob o edredom, Daniel se atracou com a estudante e é aí que começam as suspeitas de estupro. Na edição mostrada na noite de domingo, a narrativa é de uma “ficada” consentida depois da festa. No pay per view, Monique aparece imóvel enquanto Daniel faz movimentos sob a colcha.

Netinho foi expulso por beber sua urina

Netinho teria se arrependido de ter desistido de participar do programa. Foto: TV Globo/Divulgação

Um dia após a divulgação dos 12 participantes do “Big Brother Brasil 12”, Netinho teria decidido sair do programa, mas a história não é bem assim.

Segundo o site Famosidades, Boninho, diretor do  reality, tinha escalado o advogado, mas mudou  de ideia quando descobriu  que ele fazia urinoterapia.

A Urinoterapia é uma pseudociência que  propõe como tratamento alternativo o uso da urina humana para fins  medicinais e cosméticos. Exemplos de aplicação incluem a ingestão da própria  urina ou massagem da pele com urina.

Boninho ficou assustado e resolveu cortar Netinho da atração por medo da  reação do público.

As inforamções são do TV FOCO

“BBB 12”: Yuri Fernandes já fez ensaio com a Musa do Brasileirão

 

Entre os participantes do “Big Brother Brasil 12” está Yuri Fernandes, de Goiânia. Ele tem 26 anos e é professor de Muay Thai da Musa do Brasileirão Lucilene Caetano.

A modelo até já fez um ensaio ao lado do brother em outubro de 2011, em uma academia.

Lucilene comemorou no Twitter a confirmação do amigo no elenco do “BBB”: “Parabééééééns Yuri Fernandes, meu personal MuayThai! Nos represente bem no BBB12… o Estado de Goiás vai se orgulhar!”.

 

Natelinha

Programa de Fátima Bernardes terá jornalismo, humor e sexo

 

O programa que Fátima Bernardes estreará na Globo em abril poderá ter um quadro de humor, protagonizado por Ingrid Guimarães. A informação é do jornal Diário de São Paulo.

A direção do programa também espera contar com a participação da doutora Carmita, do programa “Amor & Sexo”, para comentar assuntos pertinentes aos temas.

O Planeta TV

Participante de reality da Record é herdeira de TV afiliada da Globo


Uma participante do reality “Amazônia” da Rede Record, Carol Magalhães, neta de Antônio Carlos Magalhães, é uma das herdeiras da TV Bahia, afiliada da Rede Globo.

Ela, porém, faz questão de dizer sempre se virou sozinha. “Eu trabalhei na Globo sem ter de passar por lá. Não tenho vontade de trabalhar na empresa.”

O reality “Amazônia” estreia neste domingo (08/01).

Famosa por “Safadeza Oculta” faz campanha para entrar no “Pânico na TV”

Reprodução

Camila Uckers, que virou hit na internet após fazer um vídeo reclamando sobre um site de famosos, que errou o nome da banda RBD, decidiu promover uma mega campanha para poder integrar o elenco do programa “Pânico na TV”, da RedeTV!.

Na tarde desta sábado (19), Camila Uckers alugou três outdoors perto da sede da emissora em Osasco (São Paulo), onde está pedindo um emprego para Emílio Surita, apresentador da atração dominical. Camila ainda fez uma performance vestida de gata, Cleopatra e até de noiva.
A fortalezense não parou por aí: ela também convidou uma escola de samba para estar na porta da RedeTV! na tarde de ontem. A agremiação também fez um samba enredo para a campanha ganhar ainda mais força.

No Facebook, a campanha “Camila Uckers no Pânico na TV” já conta com mais de 2 mil apoiadores e várias mensagens desejando sorte. Já no Twitter, os seguidores de Camila estão usando a hashtag #CamilaUckersnoPanico para ajudar ainda mais na campanha.

Confira o vídeo onde Camila Uckers pede para entrar no “Pânico na TV”:

 

Para Descontrair em meio a tenção

ACHO QUE VAI DOER

 

%d blogueiros gostam disto: