Arquivos do Blog

Brasileirão – Botafogo assina com a Globo e é o décimo terceiro time a fechar com a emissora

Como informado pelo RD1 nos últimos dias, Grêmio, Goiás, Coritiba, Cruzeiro, Vitória, Corinthians, Sport, Vasco, Santos, Bahia, Palmeiras e Flamengo, nesta ordem, assinaram contrato com a Globo referente aos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro pelo próximo quadriênio (2012-2015). O vínculo engloba TV Aberta, TV Paga, pay-per-view, transmissão internacional, telefonia e internet.

Na trilha dos doze citados, o Botafogo anunciou na tarde desta quarta (06), por meio de um comunicado em seu site, que também fechou com a emissora carioca seguindo o mesmo modelo de contrato dos times já acertados. As cifras não foram reveladas devido a uma clausula de confidencialidade que existe no contrato. A emissora carioca conta agora com treze times e espera fechar como pelo menos 17 dos 20 que compõe o Clube dos 13.

RD1

Brasileirão – Globo ignora a Rede TV

Depois de fechar com quase todos os principais clubes brasileiros, a Globo ignora solenemente a Rede TV!. Marcelo Campos Pinto, diretor da Globo Esportes, nunca procurou nenhum representante da emissora depois da fracassada licitação do Clube dos 13 há quase um mês.   

Por se sentir atropelada, a Rede TV! deve levar o caso para o Cade ou a Secretaria de Direito Econômico em breve. Acionar a justiça ainda é um recurso possível, porém pouco provável.

Lauro Jardim

Confirmado: Jogos do Flamengo no Brasileirão serão transmitidos pela Rede Globo

Como informado pelo RD1 nos últimos dias, Grêmio, Goiás, Coritiba, Cruzeiro, Vitória, Corinthians, Sport, Vasco, Santos, Bahia e Palmeiras, nesta ordem, assinaram contrato com a Globo referente aos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro pelo próximo quadriênio (2012-2015). O vínculo engloba TV Aberta, TV Paga, pay-per-view, transmissão internacional, telefonia e internet.

Na trilha dos onze citados, o Flamengo anunciou na tarde desta terça (05), por meio de um comunicado em seu site, que também fechou com a emissora carioca. As cifras não foram reveladas devido a uma clausula de confidencialidade que existe no contrato. O Flamengo não anunciou o tempo de duração do vínculo, mas tudo leva a crer que será por quatro anos, assim como os demais. A emissora carioca conta agora com doze times e espera fechar como pelo menos 17 dos 20 que compõe o Clube dos 13.

RD1

Confirmado: O São Paulo fecha os direitos de transmissão do brasileirão com a Globo

O  fim do Clube dos 13, ao menos como é hoje, ocorre nesta semana, quando o São Paulo se tornará o 12º time grande a fechar acordo com a Globo, cedendo os direitos exclusivos de seus jogos –a princípio até o fim de 2012, mas prorrogáveis até 2014. O São Paulo só fez seguir a Corinthians, Santos, Cruzeiro, Flamengo, Palmeiras e outros.
Pelo acordo, o São Paulo deve receber cerca de R$ 80 milhões pela cessão, não só TV mas também outras plataformas. É o mesmo valor previsto para o Palmeiras, por exemplo.
“Oficialmente” esse seria um valor inferior aos R$ 115 milhões anunciados por Flamengo e Corinthians, mas flamenguistas e alvinegros podem estar inflacionando os próprios ganhos para “fazer farol”. Os ganhos reais estariam na casa dos R$ 90 milhões para cada um.
No caso do São Paulo, o agora virtual acordo com a Globo parecia algo impossível meses atrás. O time se aproximou da Record no ano passado, quando a emissora controlada pela Igreja Universal parecia ser a provável vencedora da licitação aberta pelo Clube dos 13 para os campeonatos de 2012, 2013 e 2014.
Como a Record recuou e desistiu de fazer proposta, e a licitação acabou vencida (em tese) pela Rede TV!, o São Paulo acabou órfão e numa sinuca: ou endossava o C13 e aceitava a vitória da RedeTV!, ou caía fora e aceitava novamente voltar aos braços da Globo –que abriu a casa ao filho pródigo e melhorou a proposta. Foi o mesmo com o Palmeiras, outro que fechou questão com a emissora carioca.

RedeTV! poderia tentar “melar” Brasileiro 2012 na Justiça

Com trocadilho, a bola judicial está agora com a RedeTV! Tudo vai depender de como a emissora reagirá, pois venceu a licitação do C13 pelos direitos exclusivos de transmissão do futebol (em belo lance de estratégia, é justo dizer), e agora assiste à debandada da entidade representativa (C13) com a qual ela assinou.
“A RedeTV! considera que tem um contrato juridicalmente perfeito e vai lutar por seus direitos em todas as instâncias possíveis”, afirma o superintendente de Jornalismo da emissora, Américo Martins.
Se a emissora optar pela via judicial, teria de fazê-lo evocando decisões do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), que não considera a negociação direta entre times e uma TV como ilegal.
Se, por outro lado, a Rede TV! optar em disputar o assunto na Justiça Desportiva, as chances de derrota seriam ainda maiores, já que o órgão tem histórico de decisões que interessam à CBF –grosso modo, a maior “parceira econômica” da Globo no Brasil.

Na Telinha

%d blogueiros gostam disto: