Entenda a nova metodologia do IBOPE na Grande SP

Durante 2013, cada ponto na Grande SP equivalerá a quase 62 mil domicílios

Ibope

O IBOPE atualiza a equivalência dos pontos em suas medições de audiência de televisão, no Brasil, todo início de ano. E durante 2013, cada ponto domiciliar na Grande São Paulo (região metropolitana em torno da capital paulista) equivalerá a 61.952 domicílios. Em 2012, cada ponto representava 60.204 casas. O aumento foi de quase 3%.

O motivo de tal mudança? A atualização leva em consideração a variação populacional de cada região medida.  Se a Grande SP, por exemplo,  cresce, cada ponto equivale a mais gente ou mais residências.

É válido lembrar que cada um ponto representa 1% do universo dos domicílios do universo pesquisado. Em outras palavras, para o IBOPE a Grande SP tem 6,195 milhões de residências. Apesar disso, o instituto considera a medição bem precisa e muito importante.

Mudanças no Rio de Janeiro e no Brasil:

Na região metropolitana do Rio de Janeiro, um ponto passou de 36.319 casas em 2012 para 38.621 neste ano, um acréscimo ainda maior do que o de São Paulo: 6%.

Já no PNT, o Painel Nacional de Televisão, um ponto passa a representar 204.107 residências, contra 191.175 no ano passado. O aumento foi de 7%.

As informações são do jornalista Daniel Castro, do portal “R7″.

Publicado em 18/01/2013, em Audiencia de Canal e marcado como , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe a sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: